Zagueiro do Vila Nova revela aumento de competitividade no elenco e brinca sobre gol marcado na estreia da Série B

Foto: Heber Gomes/AGIF

Após ter dado o pontapé inicial em sua campanha na Série B de 2023 com uma vitória diante do Novorizontino, o Vila Nova se aproveitará do adiamento de seu embate pela segunda rodada do torneio, agora só precisando focar no duelo diante do Juventude, no dia 30 de abril (domingo), às 18h15, em pleno OBA, válido pela terceira rodada da Segundona. Em meio a este período de descanso e treinamentos, o zagueiro Eduardo Doma comentou sobre o aumento de competitividade na equipe com a chegada de novos reforços, além de brincar sobre a “polêmica” do gol na estreia da Série B.

Atacante do Vila Nova ressalta importância da torcida para o bom desempenho do Tigre: “Sem torcedor não tem espetáculo”

“É até natural esse aumento de competitividade. Com o grupo reduzido, nós já elevamos os treinos, mas com mais opções no elenco, as ‘sombras’ aumentam. Você não pode dar espaço, brecha, porque a competitividade cresceu. No fim, só o Vila tem a ganhar com isso”, disse o atleta em entrevista coletiva realizada na última quinta-feira (20).

Já sobre a “polêmica” acerca de quem foi o marcador do primeiro gol no duelo contra o Novorizontino, o zagueiro do Vila Nova brincou que “Eu vou com a arbitragem, está na súmula e foi gol do Doma. Brincadeira as partes, a batida do Lourenço foi muito boa. Eu raspei, falaram que eu não raspei, mas eu raspei. Acabou desviando intencionalmente no Donato, até brinquei com ele que ajudou a sair o gol. O importante foi o gol do Vila“.

AGENDA

Após ter dado o pontapé inicial em sua campanha na Série B de 2023 com uma vitória diante do Novorizontino, o Vila Nova se aproveitará do adiamento de seu embate pela segunda rodada do torneio, agora só precisando focar no embate diante do Juventude, no dia 30 de abril (domingo), às 18h15, em pleno OBA, válido pela terceira rodada da Segundona.