Meia Wagner se apresenta ao Vila Nova para a pré temporada

O Vila Nova começou sua pré-temporada visando o início do Campeonato Goiano no fim do mes. Entre os jogadores está um reforço de peso para o Tigre.

Trata-se do experiente meia Wagner, que assinou com o Vila Nova até o fim da temporada. O jogador se apresentaria apenas no fim da semana, mas se antecipou para começar os trabalhos junto com os demais atletas do elenco.

Com uma carreira bastante extensa, Wagner defendeu por último o Juventude na Série A do Campeonato Brasileiro deste ano. O jogador marcou dois gols em doze jogos disputados, ajudando o time a se livrar do rebaixamento, ficando a 3 pontos do rebaixado Grêmio.

Wagner é um meio campo clássico, com bom passe e sempre foi o homem das bolas paradas por onde passou. O jogador possui diversos gols de falta na carreira, além de dar muitas assistências para seus companheiros de time.

O meia possui vários clubes grandes em seu currículo, Wagner já defendeu VascoFluminenseCruzeiro e América Mineiro, onde foi revelado antes de se transferir para o Cruzeiro. Na raposa, Wagner viveu seus melhores momentos como jogador, sendo até vice campeão da Libertadores da América de 2009.

Além disso, o jogador também possui carreira internacional, atuou no Al Ittihad da Arábia Saudida, Lokomotiv da Rússia, Gaziantepspor da Turquia e Al-Khor do Catar.

Fernando revela ato de amor ao Vila Nova

Vila Nova

O ex jogador do Vila Nova Fernando falou com o GE sobre sua paixão pelo clube, e a forma que achou de retribuir tudo que o Vila Nova fez na sua vida.

O jogador de 34 anos passou por grandes clubes da Europa, como Porto, Manchester City, Galatasaray e, atualmente, Sevilla. Mas foi revelado pelo Vila Nova.

É o clube do meu coração, que me deu oportunidade de ser jogador futebol. Vivi momentos espetaculares. Tento acompanhar os jogos e vou torcer muito para o Vila estar no lugar que merece, a primeira divisão. Estou sempre na torcida

Fernando, ex jogador do Vila Nova

O jogador fez um ato de solidariedade ao clube em que o revelou. Durante a pandemia o Vila Nova não estava tendo a renda dos ingressos, já que o estádios estavam de portões fechados.

O Vila Nova começou a vender ingressos virtuais, para incentivar os torcedores a doarem valores para ajudar o clube. Fernando então entrou em ação e comprou 1.500 ingressos.

Foi por gratidão e para ajudar. A pandemia foi difícil para todo mundo, não só no futebol. Sei que não é grande coisa para um clube, que tem uma receita e uma folha salarial muito alta, mas eu ajudei com o que eu pude. Espero ter ajudado bastante. Percebo que ajudou porque o Hugo (presidente) postou sobre isso, então foi importante.

Fernando, volante do Sevilha