Depois de sete anos, Anderson Luís controla ansiedade por possível “reestreia” no futebol brasileiro pelo Vila

Equipe que mais ficou no G4 da Série B do Brasileirão, o Vila Nova recebe neste sábado o Luverdense. Com intuito de continuar entre os melhores, a equipe colorada deve contar com a estreia de uma nova peça. Contratado recentemente pelo clube, Anderson Luis deve ser o substituto de Maguinho, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

A ansiedade existe. E não é por menos. Depois de sete temporadas atuando no futebol português, o lateral-direito terá enfim a chance de “reestrear” em seu país. “Fui muito bem recebido por todos aqui desde que cheguei. Clube fantástico, grupo bom e ambiente também. Não vou mentir dizendo que não tem aquela ansiedade de voltar a jogar aqui no meu país. Tem sim. Sua família pode acompanhar mais de perto, seus amigos. Se o professor optar por mim tenho certeza que estarei pronto. Estou empolgado em poder voltar a jogar no Brasil”, afirmou o jogador, que defendeu o Estoril entre 2010 e 2016, e no ano passado vestiu as cores do Arouca, também de Portugal.

Totalmente adaptado com o clube, Anderson Luis espera manter as características do Vila caso seja escolhido para substituir Maguinho. “Logo quando surgiu a possibilidade de defender as cores do Vila Nova eu já comecei a acompanhar. O Hemerson trabalha muito bem a equipe taticamente. Se eu entrar, tenho que manter a mesma pegada. Chegar na frente com força e fazer a compactação defensiva. O Vila está bem, encaixado e não podemos mudar isso. Tenho certeza que vamos ter mais uma pedreira pela frente. E contamos com o nosso torcedor para conquistar novamente uma vitória”, finalizou.

Vila Nova e Luverdense medem forças neste sábado, às 16h30, no Serra Dourada.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!