Confira detalhes do protocolo da CBF para retorno do futebol no Brasil

Mais de dois meses com futebol paralisado devido a pandemia do novo coronavírus, a CBF elaborou um protocolo médico para o retorno da modalidade. Entre as medidas adotadas, estão o credenciamento de no máximo 40 pessoas por time no local da partida. Incluindo ônibus da delegação, van da rouparia e veículo de passeio.

Os clube terão a responsabilidade de checar o estado de saúde de todos que irão ao estão. Outra regra decidida é a permanência máxima de 40 minutos no vestiário e com o uso obrigatório de máscaras. Os exames anti-dopping serão reduzidos por apenas por clube em cada partida.

O árbitro de vídeo vai continuar sendo usado e a comissão de arbitragem da CBF será responsável em analisar o estado da saúde da equipe. As coberturas terá mudanças, o acesso ao campo será reduzido.

Fotógrafos, jornalistas e radialistas ficarão na tribuna de imprensa, respeitando o distanciamento social. As entrevistas em campo serão sem repórteres com microfones pendurados em cabos de apoio da televisão. As entrevistas coletivas serão online.







Os comentários estão encerrados.

error: Content is protected !!