Após alteração no regulamento, Vila Nova sofre em má fase do Sub 19

Na abertura da Copa Goiás, o Vila Nova enfrentou o Goiás, no estádio Hailé Pinheiro e foi derrotado por 2 a 1. Na segunda rodada, em uma partida que era esperada a vitória tranquila do clube colorado, um empate por 1 a 1 dentro de casa contra o Itaberaí ligou o pisca alerta do Vila. Porém, na terceira rodada, nova partida em casa, e mais uma derrota, desta vez, para o Trindade por 1 a 0. Agora o Vila Nova volta a campo no dia 13 de Setembro às 15h30 no estádio Aníbal Batista de Toledo, contra a Aparecidense.

A equipe colorada é a atual campeã da Copa Goiás – que até o último ano era uma competição para a categoria sub 20 -, torneio tradicional do segundo semestre do calendário do futebol goiano, porém, nesta temporada, em três jogos, não conseguiu nenhuma vitória.

Na última temporada, a Copa Goiás era para jogadores de até 20 anos, o que servia de base para a Copa São Paulo de Futebol Junior, porém foi alterado para 2017. Em 2016, o Vila Nova ficou conhecido por um futebol vistoso e era comandado por Lucas Oliveira, goleou de maneira histórica o Goiás nas duas partidas da final, com placares de 4 a 1, na Serrinha, estádio do Goiás e por 7 a 0 no Onésio Brasileira Alvarenga, mais conhecido como OBA.

Após a Copa São Paulo, realizada em Janeiro deste ano, diversos jogadores deixaram a categoria de base para o elenco principal. Como o goleiro Gabriel Félix, o lateral Patrick, os zagueiros Brunão e Luisão, o meia Albano e o atacante Wagner, entre outros. Lucas Oliveira foi demitido e chegou então Ariel Mamede, que havia tido uma passagem pelo Vila Nova, onde foi campeão invicto com o clube no Campeonato Goiano em 2015, e estava no Atlético Goianiense no começo de 2017.

O treinador que participou deste processo de formação da geração que foi campeã no último ano, retornou para montar um novo projeto. Após a decisão da Federação Goiana de Futebol de mudar a categoria das competições de base no futebol goiano, muitos atletas perderam espaço e até a idade de disputar esse torneio, o que forçou a procurar espaço em equipes menores no futebol profissional.

Ariel Mamede, o treinador da categoria sub 19, falou sobre este novo processo, após a saída de diversos jogadores. O comandante ressaltou a dificuldade após a troca do regulamento da FGF e de perder alguns jogadores.

“Acompanhei o trabalho do Lucas no ano passado, foi inclusive a equipe que trabalhei junto em 2013,2014 e 2015, onde fomos campeões, foi a mesma equipe do ano passado, então, não só acompanhei, como fiz parte do inicio deles no Vila Nova. É obvio que quando perdemos a competição, é completamente diferente no trocar de ano, além de trocar o ano, a competição passou a ser sub 19 e não mais sub 20, ou seja,  duas gerações foram atropeladas pelo novo regulamento, o que nos trouxe dificuldade, já que uma nova geração não tinha sido preparada para suprir as ausências daqueles que nasceram em 1997, que foram os grandes destaques do clube. Precisamos reformular, o que demanda muito tempo”.

Ariel falou também sobre a formação do jogador e a diferença da categoria de base e do profissional. Segundo o treinador, o Vila Nova está sim buscando novos jogadores para compor sua categoria de base, porém, sem “queimar” os jogadores que já estão no clube e que ainda buscam seu espaço.

“Base não é como profissional, estamos falando do departamento de formação, a partir daí vem às dificuldades, vem os tropeços quanto aos resultados, mas tudo vai ser adquirido com o tempo e com o trabalho. Nós estamos tentando captar jogadores e trazer dentro daquilo que a gente imagina ser carências no elenco, mas com a consciência de que os jogadores que aqui estão, vão maturar e são muito jovens, cinco jogadores do sub 17 treinam e jogam conosco, e a partir daí respeitamos o processo de maturação dos jogadores”.

Copa Goiás

A competição que ocorre anualmente desde 2009, foi estabelecida pela Federação Goiana de Futebol para que as categorias de base tenham competição no segundo semestre. Enquanto alguns clubes disputam a Copa São Paulo de Futebol Junior, o torneio de maior prestigio na base nacional em Janeiro, outros só começam seu calendário em Março, com o Campeonato Goiano.

Especialmente neste ano, a Copa Goiás começou no dia 19 de Agosto e terá sua última partida disputada no dia 19 de Novembro. Como citado na matéria, para este ano, foi decidido que os jogadores que participem desta competição tenha no máximo 19 anos, ao contrário dos últimos anos, que era 20. Porém, é permitido ter jogadores sub 20 em seu elenco e inscrito na competição, porém, apenas 3 jogadores podem ir para uma partida.

O torneio possui 10 equipes divididas em dois grupos com 5 clubes em cada. Os cinco do grupo A enfrentam os cinco time do grupo B em dois turnos, com partidas dentro e fora de casa. No terceiro turno os grupos do mesmo grupo se enfrentam, sendo assim, os clubes do grupo A enfrentam os clubes do grupo A, e do grupo B os times do grupo B. Os dois melhores de cada grupo se classificam para a semifinal, e quem passar, se enfrenta na final. A final também é disputada em dois jogos, de ida e volta.

Diferentemente do Campeonato Goiano, onde os três primeiros se classificam para a Copa São Paulo do ano seguinte, a Copa Goiás não dá nenhum privilégio, apenas o título.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!